psicoterapia

A base do meu trabalho clínico é Jung. Acredito no processo terapêutico que combina o trabalho verbal e o não verbal. Trabalhar a psique no corpo, assim como falar, escutar, chorar, sonhar, fazem parte do processo.

 

estar entre mulheres

Por que estar entre mulheres? Porque aos poucos, ao longo da história, as mulheres foram tendo cada vez menos espaços para si e entre mulheres, nutrindo-se umas às outras. Resgatamos esses espaços em 'Círculos de Mulheres' e para 'Estar em movimento'.

cursos e palestras

Ensinar é um dos meus melhores prazeres. Nos cursos e palestras por aí, gosto de espalhar um pouco de tudo que aprendo e quem sabe provocar, mais uma vez, alguém a se perguntar 'quem sou eu?'  

 

astrologia

Conhecer a si mesmo é reconhecer, através das diferentes linguagens simbólicas que nos permitem ler, o escondido em nós. Para mim a astrologia é uma das tantas belíssimas que há.